"A religião organizada é o ódio disfarçado em amor"

News Porno Massacre A frase título deste post foi proferida por Dan Lafferty, assassino confesso de Brenda (sua cunhada) e a filha dela, Erica, de 15 meses. O motivo seriam "revelações" divinas que seu irmão recebera indicando que tais pessoas deceriam ser "removidas" por ordem do próprio deus.

A história é o ponto de partida do ótimo livro "Pela Bandeira do Paraíso", de Jon Krakauer, que analisa não somente a religião mórmon, como todo e qualquer fanatismo e suas terríveis consequências.

Mas... já no meu ponto de vista:

Já que o assunto "Dan Lafferty" nos trouxe até aqui... qualquer religião e suas falácias é um problema já grande o bastante. Não precisamos chegar ao fanatismo para sentir o retrocesso que elas representam.

Lanço oficialmente, a Igreja Porno-Massácrica!!!

Amén!